AFESP 20 de Julho de 2019 DGERT - Entidade Formadora Certificada  
Mapa do Site · Contactos · Fórum
 
   
 
     
 
     
 

05-05-09

 
 

Portugal foi o terceiro país europeu que mais reduziu número de mortos na estrada

 
 

Dados apresentados na conferência «Desafios para o Futuro - Prevenção Rodoviária em Portugal» revelam que a redução do número de mortos nas estradas nacionais, desde 2001, coloca Portugal em 3º lugar na tabela europeia.

De acordo com o especialista do Conselho Europeu de Segurança nos Transportes, Marco Popolizio, Portugal conseguiu uma redução de 47% do número de mortos nas estradas por acidentes de viação, o que representa uma redução anual em território nacional de 8%.

O Luxemburgo lidera a lista de países europeus onde foi mais visível a redução do número de mortos em acidentes rodoviários, menos 50% de vítimas, seguindo-se a França com 49% e Portugal com 47%.

O especialista relembrou que em 2001, a União Europeia estabeleceu que os países deveriam reduzir em 50% o número de mortos, até 2010. A generalidade dos países ainda não conseguiu atingir essa meta – excepção apenas para o Luxemburgo, França e Portugal. No entender de Marco Popolizio estes três países «estão no bom caminho».

Portugal obteve também bons resultados na diminuição do nível de mortalidade infantil, com uma redução de 15%, destacou o especialista do Conselho Europeu de Segurança nos Transportes. Ao nível de sinistralidade por motociclos, o território nacional conta com 22 mortos por um milhão de habitantes, valores que colocam Portugal na quinta posição entre os Estados-membros com menor número de mortos.

 
     
 

 
     
  << VOLTAR  
     
     
  Agenda  
   
  04-06-19  
  Safe Roads - Road Safety: Everyone's Responsibility  
  AFESP convidada a participar no evento "Safe Roads - Road Safety: ... (+info)  
   
  18-11-18  
  Presidente da República assinala Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada  
  (+info)  
 
   
     
     
 
Subscrever Newsletter
 
 
  subscrever
 
     
     
     
© 2002-2018 AFESP - Todos os direitos reservados Siga-nos: